terça-feira, 22 de março de 2011

Quem hoje


Quem hoje...


Quem hoje me vê assim, sorrindo
diria em algum tempo atrás
que sem ti minha vida era vazia
e triste tais como as tardes de
um inverno chuvoso e triste

Quem hoje me vê aqui como estou
leve como uma folha, cantando
nesse outono que chega
as venturas de ter teu amor

Quem me vê hoje não me vê tão somente
vê o milagre do renascimento em amor
depois que o meu coração
suavemente o teu encontrou.

Rosane Silveira

2 comentários:

Anônimo disse...

Querida Rosane, hoje viajei no seu blog e de seu amor, lindos, vi na sua lista que vc precisa dar uma olhadinha no meu. ele anda meio abandonado , tudo por conta de um amor igual ao seu , rsrsrsrs. Também conheci meu amor na net, ele também é poeta e estamos juntos(morando ha 3 meses)Estou vivendo o mais lindo momento de amor, um dia eu conto tudo e ponho no blog. Larguei o Rio e hoje sou moradora de Sampa vivendo feliz.Parabéns por seus textos lindos. Parabéns!
muitos aplausos para os dois. Bjs .

Al & KAU disse...

Parabéns.Poema de muito bom gosto e a minha cara (rs rs rs)Continue assim querida , vc tem muito talento e o dom da palavra.Beijosss, vou estar sempre por aqui agora.